Ad Infinitum - Woven Within


Black Metal de contornos atmosfericos com um ambiente sedutor e cosmico é aquilo que Ad Infinitum aqui mostra neste primeiro album, envolvencia e um sentido muito proprio que nos faz explorar mentalmente tudo aquilo que de certa forma faz parte deste universo musical...
Um album que percorre a alma de bandas como Mare Cognitum, Lunar Aurora e onde se adiciona aquele efeito estelar de uns Darkspace, que resulta num trabalho de contornos epicos e com uma carga atmosferica sufocante para quem procura ou gosta de bandas que misturam a musica extrema com algo proximo das bandas sonoras de alguns filmes de ficção cientifica.
Acreditem que vale a pena explorar este projeto...edição limitada de 66 copias se alguem estiver interessado na compra fisica do album e gratis no Bandcamp (onde podem ouvir na totalidade e fazer o dowmload este trabalho saido da mente de um tal J.G.S.)....

Assumption - The Three Appearances


Assumption!
Mais uma banda interessante a sair de Italia, desta vez inseridos num obscuro Death-Metal carregado de elementos proximos do Doom (como agora se diz)..e com claras influencias de Disma, Fuoco Fatuo ou d. com resultados altamente satisfatórios para quem gosta deste tipo de sonoridades.
São quatro faixas acima da media do que se tem feito por ai ultimamente e que tem tido bastante destaque sonoro aqui por estes lados, no bandcamp só está uma faixa, mas acreditem que vale a pena ouvir os restantes temas..
Ultima nota para o excelente artwork do album.
Seguramente uma banda a ter em atenção no futuro.....

Medicação 2014

 Zyk´s Asylum Best Albuns of 2014 ( Top 12) :



1º -Darkspace - III I
Continuam a ser algo completamente á parte de tudo atualmente...até mesmo com a produção mais limpida e os temas mais soltos nenhum album por aqui criou a "magnificência" sonora que este gerou...


2º - Teitanblood - Death
Death-Metal em 2014 é isto! Nada mais a acrescentar.


3º - Kriegsmaschine - Enemy of Man
Numa altura em que muitos continuam a tentar recriar a dissonância de DsO, os polacos deram um passo em frente...degolaram essas influencias e misturaram o "transe-hipnotico" do momento vindo da Islândia...


4º - THOU - Heathen
Confesso que já tinha ouvido o album uns bons meses antes de sair, mas mesmo assim e atualmente não existe melhor banda que consiga recriar esta amalgama de estilos como continuam a fazer estes rapazes de Baton Rouge.


5º - Sinmara - Aphotic Womb
Svartidaudi são das melhores coisas que ouvi nos ultimos tempos dentro do BM, mas Sinmara tem aqui um album monstruoso que prova uma vez mais que o movimento islandês é dos mais fascinantes atualmente...


6º - Sun Worship - Elder Giants
Black-Metal...daquele feito sem corpse paint, mas talvez o unico que conseguiu captar aquilo que sentia no meio da decada de 90.


7º - The Great Old Ones - Tekeli-Li
A simplicidade aqui cria vicio...quanto mais se ouve mais dá vontade de ouvir, delicioso tributo a uma das obras mais conhecidas do H.P. Lovecraft.


8º - THAW - Earth Ground
Talvez um dos albuns mais fascinantes do ano que vai passar ao lado de muita gente...soberbo e viciante.


9º - Schammasch – Contradiction
Imenso e negro é assim este duplo album de Schammasch, vibrante mistura entre Triptykon e Secrets Of The Moon...mas muito melhor que ambos atualmente!


10º - Earth and Pillars - Earth I
Caiu do nada este album e apanhei-o numa das minhas deambulações pelo bandcamp...resultado tem sido uma bela companhia neste fim de ano.


11º - Blood Of Kingu - Dark Star On The Right Horn Of The Crescent Moon
Ouvir este album é o equivalente a uma invocação demoniaca!!!


12º - Swallowed - Lunarterial
Filhos bastardos de Teitanblood...e a par do "Death" o album mais sufocante deste ano!


############################################


Best ep´s/Demo´s/Mlp´s/Split´s 2014 (twelve months twelve titles...):




1º - Sunbourne - Sunbourne

2º - Keeper - M M X I V

3º - Skáphe - Skáphe

4º - Ketch - Ketch

5º - Norot - Nathrach

6º - Dysangelium - Leviaxxis

7º - Naðra - Eitur

8º - Mannveira - Von Er Eitur

9º -  QRIXKUOR - Consecration of the Temple

10º- Bog Oak - A Treatise On Resurrection And The Afterlife

11º- Voidchrist - Herald of a Brighter Dawn

12º- Vircolac - Codex Perfida

Swamp Witch - The Slithering Bog


Em fevereiro de 2015 finalmente o album de Swamp Witch!!!!
Uma das bandas mais promissoras do Death/Doom mais pantanoso atualmente na minha opinão e depois da excelente demo isto promete.
Ouçam em baixo esta estranha mistura de Electric Wizard e Irkallian Oracle (sim leram bem).

Premonições: Au-Dessus


"The sound composition is being developed in order to destroy social attitudes, to cause the state of discomfort, to encourage cognitive dissonance and self-destruction. In the morale of painful cracks we are made to destroy and in this way to create; we are drawing our coat of arms on the screens of social cliches and looking beyond the self- imposed boundaries, drowned in cynicism because of god-fearing desire to come into contact with decency. This is our Renaissance and illuminance – your judgement.
Sue and be judged…

Soon...https://www.facebook.com/audessusabove

Vvorld.belovV Net Store


To all of you that want to buy some of the music that sometimes I show here, follow the link!
Many more titles to come and support the bands!!!
http://vvorldbelovv.storenvy.com/

Vvorld BelovV Distro.


https://www.facebook.com/vvorldbelovv

Mail (questions/list/prices etc): worldbelowdistro@gmail.com or joaocaldeira.zyk@hotmail.com

A World Below é uma pequena distribuidora portuguesa criada por três pessoas que partilham um gosto musical semelhante. Assim, o nosso objectivo é, essencialmente, distribuir lançamentos de bandas que nos agradam a nível pessoal. Vamos apostar principalmente em formatos analógicos, mas não exclusivamente. Não fazemos trocas com outras distribuidoras, pois não pretendemos ter um catálogo enorme e abrangente, mas sim específico, incluindo bandas que consideramos relevantes dentro do seu próprio género musical. O nosso material é comprado directamente às bandas ou às editoras. Desta maneira, teremos sempre um stock bastante limitado e que se encontrará em constante renovação.

English:
World Below is a small Portuguese distro, created by three individuals who share a similar musical taste. Essentially, our goal is to distribute releases from bands that we like. Mainly, we will favor analog formats, but not exclusively. We won’t trade with other distros, because our aim is not a huge catalog, but a rather specific one, including bands we consider relevant in their own genre. Our material is bought directly from bands and labels, so our stock is rather limited and will always be in constant renewal.

Ascension - Deathless Light (ep)



BEHOLD!!!


Premonições : Blaze of Perdition - Near Death Revelation


Phoenix rises!
New album’s recording process is slowly nearing its end, so it’s time to share some basic info.
As we already mentioned earlier, the title of our latest work is “Near Death Revelations”. All instruments have been recorded and vocal sessions will take place very soon. The album consists of 7 tracks and lasts over 50 minutes (+ one bonus track planned for later vinyl edition).
The artwork was once again created by Andrzej Masianis and layout arranged by our own Kontamination Design.
Label & release date haven’t been confirmed yet, so we are open for conversation and any fair and serious deals. Anyone interested, please write: blazeofperdition@gmail.com
We will share some music samples as soon as the album is finished.
Tracklist:
1. Limbonaut
2. Into the Void Again
3. When Mirrors Shatter
4. Dreams Shall Flesh
5. Cold Morning Fears
6. The Tunnel
7. Of No Light
Line-up:
S. - vocals, lyrics
XCIII - guitars, lyrics
Revenger - guitars, bass
Vizun - drums

Infra - Initiation on the Ordeals of Lower Vibrations 7'


Acho que já aqui tinha colocado algo acerca desta banda portuguesa...mas fica aqui mais uma pequena atualização sobre eles.
Primeiro ep a ser editado pela Nuclear War Now Productions no inicio do proximo ano e podem ouvir em baixo já uma das faixas libertadas bem como a capa do 7' ...
Death Metal na onda de Grave Miasma ou Swallowed...basicamente a explorar aquilo que de melhor ou mais interessante se vai fazendo dentro do estilo.

Lotus Ash - The Word of God


Fantastico album desta banda americana, formada por musicos ligados a Northless, Maidens e Ellis...apesar da aparente simplicidade aquilo que aqui ouvimos é um dos mais interessantes albuns de Sludge, Post Metal dos ultimos tempos...imaginem algo entre uns A Storm of Light e Minsk apenas focados no lado mais pesado dos seus temas e com aquela carga ambiental bem caracteristica das produções do Sanford Parker originando um som bem explosivo mas ao mesmo tempo ambiental e "divagante" se é que se pode usar a palavra..é na realidade é uma das coisas que mais tenho ouvido ultimamente e que mais gozo me tem dado!
Acho que vale bem uma atenção da vossa parte e creio que deverão manter o nome Lotus Ash em atenção que este projeto ou banda tem ainda muito para dar e um interessante futuro pela frente..isto a julgar pelo que se ouve neste "The Word of God".

Generation of Vipers - Coffin Wisdom Has Bite

Engineered by Travis Kammeyer (A Storm of Light, U.S. Christmas, Ocoai,etc.) and mixed by Andrew Schneider (Unsane, Cave In, Made Out of Babies, Blue Man Group, etc.) at Translator Audio in Brooklyn, NY, Coffin Wisdom displays the bands most focused and realized album to date.

Consisting of 7 tracks of noisy and visceral music that at times borders on the Amphetamine Reptile days of yore, yet simultaneously harnesses a maturity and spiritual awareness to it that is difficult to quantify with mere words.

Imagine if Amebix and Quicksand wrote songs about numerology and Witchcraft or if Godflesh and Helmet wrote songs touching on sleep paralysis and psychotic paranoia and you would have at least one foot on the right path.

Premonições: Ascension - The Dead of the World


Ascension - The Dead of the World
At long last, German black metal tyrants Ascension unveil their highly anticipated second album, The Dead of the World, set for European release on December 24th via W.T.C. Productions (Season of Mist will handle the North American release). Previewed by the Deathless Light EP, Ascension's The Dead of the World is a grandiose work of bold creativity and boundless imagination, of brilliant illumination and obsidian depth, all under the banner of orthodox black metal. The band's debut album, 2010's Consolamentum, became a classic in the underground not long after its release; it evinced a wealth of maturity in composition and execution for such a new band. Here, the quintet eclipse that accomplishment with a seven-song salvo that's the epitome of Album Experience. Every part is where it needs to be; every song flows from the other; there is a whole, and it is a black HOLE. From its innermost depths, Ascension drive onward and outward, their control of dynamics startling for mere "black metal," their passion, fervor, and professionalism far beyond those who supposedly uphold that genre. Joining Ascension in their peerless endeavor here are The Magus (Necromantia, Thou Art Lord, Principality of Hell) and Mors Dalos Ra (Necros Christos), who both respectively provide guest vocals on The Dead of the World. Black Metal may be dead for all intents and purposes, but not for Ascension, for they show you The Dead of the World.
Tracklist
1. The Silence of Abel
2. Death's Golden Temple
3. Black Ember
4. Unlocking Tiamat
5. Deathless Light
6. The Dark Tomb Shines
7. Mortui Mundi
More details to be announced in due time...

Voidchrist - Herald of a Brighter Dawn


Only Death is real!!!

Irradiate - R.D.D.


Hate, Kill, Destroy!!!
Irradiate são uma banda paralela de dois membros de Mitochondrion....extremo e violento na tradição dos miticos nomes canadianos..o ep funciona em pleno se gostam daquele Death/Black mais animalesco e extremo.
O ep é de download gratis...se interessar é clicar em baixo!

Premonições : Ascension - Deathless Light - EP


Ascension - Deathless Light - EP - to be released on October,31st

As a precursor to their forthcoming second album, German black metal tyrants ASCENSION unleash the Deathless Light EP. Ever aptly titled, this two-song strike beams brilliantly with an illumination that can only come from the most fathomless, pure-obsidian depths of the spirit. ASCENSION's debut album, 2010's Consolamentum, became a classic in the underground not long after its release; it evinced a wealth of maturity in composition and execution for such a new band. Here, the quintet extend that maturity even further, unfurling orthodox black metal that brims with creativity and passion, fervor and professionalism, utter darkness and radiant glory, every note and nuance exactly where it should be and nothing wasted nor sacrificed. The title track will feature on ASCENSION's upcoming new album for W.T.C., while "Garden of Stone" is exclusive to this release. Deathless Light shines on...

Formats: limited Digipak CD, limited 12"MLP,Digital (the vinyl version might take a little longer though,due to the generally increased manufacturing times)

Tracklist
1.Deathless Light
2.Gardens of Stone

..last album...

Premonições - Ancient VVisdom


Kalamata - You

This Hildesheim based trio performs instrumental psychedelic- stoner rock like the old Kyuss or original space-rock bands from the 70`s.
Driving bass riffs and colourful guitar-patterns emerge on top of a deep rolling rhythm section.
This instrumental music will guide you through the night like LSD while you´re sitting on a wild cow`s back.



Skáphe - Skáphe


No words!
No light!
No nothing!

Premonições : Lightsystem


Soon...
Depois do excelente album do ano passado, os norte americanos Lightsystem estão de volta, para já não se pode comentar muito...fica aqui um curto teaser que o John me enviou...em breve mais novidades de uma banda que vale a pena descobrir para todos que gostem de Post-Rock..


E já agora ouçam o album:

Premonições: Swamp Witch - The Slithering Bog

"Strange Cults" is the opening track from the upcoming Swamp Witch record, "The Slithering Bog". Recorded by Greg Wilkinson at Earhammer Studios in Oakland(((California))).

Darkspace - III I


Myrkur - Myrkur


Myrkur significa numa tradução literal "escuridão" e embora o peso da palavra seja como é obvio forte a sonoridade deste projeto dinamarquês é tudo menos negro ou pelo menos não tão demoniaco como se esperaria.
Dito isto tambem não é muito normal encontrar algo deste genero numa editora como a Relapse ainda mais com um suposto low-profile no que diz respeito ao projeto em si, mesmo tendo uma rapariga aos comandos de Myrkur.
A sonoridade não é propriamente original nem se centra no extremismo de uns Møllehøj (por exemplo), mas os pontos de ligação acabam por ser os mesmos nas suas influencias embora Myrkur entre por caminhos mais etereos.
No press-release da editora fala-se em algo entre os primordios de Ulver, Deafheaven e Alcest, três nomes mais que suficientes para chamar a atenção de muitos e afastar outros tantos, mas bem vistas as coisas aquilo que Myrkur aqui mostra acaba por ser bastante interessante mesmo caindo por vezes e de uma forma perigosa para o lado mais maisntream/Indie de um suposto Black-Metal que muitos hoje em dia ouvem.
Isto não é mais do que um upgrade musical já explorado num passado não muito distante por Ulver dos tempos das florestas ou pelo paganismo de Hagalaz Runedance ou algum neo-classico austrico com ligações a Dargaard e afins..isto na maneira como as faixas nos colocam numa qualquer floresta nordica respirando aquelas sonoridades de algumas bandas da segunda vaga do BM como Satyricon ou Ulver, se não acreditam ouçam com atenção a aura da faixa que fecha o ep "Må Du Brænde i Helvede" e tirem as vossas conclusões.
O que fica é que a sonoridade não soa falsa, desfazada da realidade ou influencias que são impossiveis de não associar ao projeto, transformando este ep numa experiencia bastante agradavel, sincera e porque não viciante para quem gosta deste genero de ambientes não tão extremos mas com as mesmas bases de algum BM que se ouve nos dias de hoje onde muitos tentam juntar cada vez mais peças estranhas num estilo onde já quase tudo foi feito com menor ou maior qualidade.
A delicadeza elfica dos vocais quase uma versão feminina de Alcest e bastante mais interessante, diga-se (conferir a "Dybt i Skoven" por ex) e a forma como interage com toda esta amalgama sonora acaba por ter um resultado brilhante na minha opinião, mesmo para quem não goste da abordagem Indie que por vezes ecoa nos riffs e que vos possa remeter primeiramente para alguns instrumentais de Liturgy, Alcest ou Deafheaven.
Como já deu para notar e mesmo sendo um ep bastante curto tem muito para ser explorado, dissecado e absorvido mesmo sendo obvio que se tornará numa especie next-big-thing.
Estranho ou não depois de ouvir o trabalho de Myrkur sem duvida que merecem todo o hype que estão a criar á sua volta...e sejamos sinceros alguem que mostrasse que antes das florestas do Noroeste Pacificio comecarem a ecoar pelo movimento moderno estas sonoridades começam no Norte da Europa.
Recomendado!


Premonições: Mare Cognitum - Phobos Monolith


"Californian one-man band MARE COGNITUM has already proven to be one of the leading forces in the progressive black metal field thanks to its two full-length releases and the "Sol" split with Spectral Lore. Since then the band's sole member, Jacob Buczarski has refined his songwriting and production skills even more, and is ready to offer his third voyage in the spaced-out realms of cosmic black metal.
Titled "Phobos Monolith," the album is scheduled for an October release through I, Voidhanger Records. Cover art by Luciana Nedelea.
Track list:
1. Weaving the Thread of Transcendence (13:03)
2. Entropic Hallucinations (8:13)
3. Noumenon (13:07)
4. Ephemeral Eternities (15:54)"


Keeper - M M X I V


Para os mais atentos a demo de Keeper é certamente das coisas mais faladas nos ultimos tempos dentro do universo Sludge/Drone e a pergunta que se faz obviamente é:
Será que é assim tão bom para tanto "hype", a resposta é definitivamente sim, embora aquilo que aqui mostrem não seja mais do que aquilo já explorado nos ultimos anos por bandas como THOU ou uns HELL.
O ambiente é pantanoso, lento com riffs a ecoaram e a arrastaram-se num negro e agoniante feedback que em alguns momentos nos trás a memoria Khanate misturado com BM, principalmente na forma como usam a voz, embora não se aproxime da tortura sonora do Alan mesmo sendo dois vocalistas (masculino e feminimo)..
No geral acaba por ser assombrosa a forma como Keeper consegue juntar tanta coisa nas musicas e dar-lhe um toque de interesse em territorios cada vez mais secos e explorados ao maximo.
Pode não parecer ás primeiras escutas nada de mais e soar até perigosamente deja-vu mas á medida que vamos ouvindo muita coisa aqui nos acaba por deixar intrigados e desejosos de conhecer o proximo passo deste obscuro projeto.
E se gostam daquele peso demolidor e colossal "PUMPUM..PUM" (lol) como se estivessemos a levar com um avalanche sonora em cima acreditem que não vão querer outra coisa para estarem presos uns tempos...a "Admittance" é só talvez a musica mais pesada do ano!!
Resumindo bastante interessante esta demo, ouçam e façam o download:

Space Witch - s/t


Finalmente o album de Space Witch, banda inglesa que aqui mostra um colossal trabalho de Sludge/Doom instrumental onde o peso vindo de Bongripper se funde com o psicadelismo de Hawkwind ou Minsk isto na forma como os sintetizadores se envolvem nesta espiral alucinogenica que nos atira para uma autentica viagem negra completamente perdidos pelo espaço...
Muito bom mesmo e se gostam das referencias que dei, certamente têm aqui duas longas faixas para explorarem com os vossos sentidos nos proximos tempos.
Recomendado!!!

Premonições: Swallowed - Lunarterial


Depois do excelente ep de 2010 os finlandeses Swallowed estão de volta, fica aqui o primeiro avanço e a capa do do album...

Premonições: Myrkur - Myrkur


Emerging from the darkness of Scandinavia comes one-woman black metal project Myrkur. Combining the rawness of second wave black metal bands like Ulver and Darkthrone with a natural sonic, ethereal beauty, Myrkur has created a wholly unique perspective on the genre. She elaborates "Nature is a big part of the reason black metal even exists. And all types of pure music that comes from a pure place.

Midnite Congregation - Verse I (compilation)

Pay attention to some of these bands.
Midnite Congregation is a digitally-released compilation curated by the Collective to feature the darkest sounds of the underground. Bringing 6 groups under one moon, we have provided you with our first Verse.
Spilth*!%, "Saur" recorded, mixed, and mastered by Billy Anderson, 2013/14.
Ancient Altar, "Tidal" recorded on 4-track, live, by Scott Carlson, 2013.
Pigeonwing, "Bone Grease" recorded and mixed by Derek Donley, mastered by Roskva, 2013.
Trapped Within Burning Machinery, "Drughammer" recorded and mixed by themselves, 2014.
Beneath Oblivion, "Turn To Stone" recorded, mixed, and mastered by themselves, 2013.
Funerary, "Coerced Creation" released on Starless Aeon, August 12, 2014.

Kvlthammer - Kvlthammer


Bastante interessante este album de Kvlthammer, banda que faz uma mistura bem catchy de coisas que vão do d-beat ao Black n' Roll dando origem a um daqueles albuns sujos com um intenso cheiro a tasca velha e porrada por todos os lados...
Se gostam daquilo que Darkthrone tem feito isto é para vocês...e mais se gostam de Motorhead vão adorar!
Cliquem em baixo.

Energumen - Void Spiritualism (demo)

Death/Black na onda de Blasphemy/Beherit/Archgoat/Angelcorpse, vindo da Suiça e uma das proximas apostas da Blood Harvest.
Demo bastante curta, mas com material bastante malicioso e extremo para quem gosta destas sonoridades demoniacas, por aqui tem rodado bastante!!

Drowned - Idola Specus


Esqueçam Necros Christos, agora são os Essenz e The Ruins of Beverast que gerem Drowned!
Bem sejamos sinceros a coisa mantem a qualidade e se julgavam (pelo menos para quem conhece a banda) que a saida do sacerdote M.D.A. de Necros Christos o projeto perderia alguma coisa desenganem-se já, porque este Idola Specus é sem qualquer duvida um dos grandes albuns de Death-Metal old school que vão ouvir este ano com ou sem o vocalista á frente da banda.
Não vão encontrar aqui influencias etnicas ou passagens fugazes de ocultismo musical daquele direto e que por vezes desvia as atenções para aquilo que realmente interessa, aqui é a pureza do estilo que conta nada mais e quando escrevo pureza é mesmo no sentido mais literal do termo onde os instrumentos se unem num turbilhão extremo que dá um gosto imenso ouvir.
É um daqueles albuns que quanto mais se ouve mais vontade dá de ter por perto, principalmente se gostam daquele Death mais classico, bem tocado, cheio de pormenores e com temas carregados de riffs e batidas que dão vontade de fazer cara feia..
Não segue nenhum legado ou dito de outra forma mais crua, nem soa a album sueco nem a americano, apenas se limita a destilar aquele afogamento tipico de Drowned, direto ao assunto sem tirar nem por e nada mais se pede para algo que não é apelativo a nivel de artwork mas que por dentro é um tesourinho muito bem guardado e pronto a ser descoberto.
Alias quando ouvirem por exemplo uma faixa como a Black Projection, vão pensar muito seriamente no vosso top ten de melhores faixas de DM que ouviram nos ultimos anos...
Muito proximo da perfeição este Idola Specus e ganha pontos pela honestidade e simplicidade com que os musicos se erguem perante nos ao longo desta pouco mais de meia hora..e voltamos ao primeiro paragrafo do texto porque aqueles nomes logo por si transpiram qualidade, senão acreditem desliguem isto e vão ouvir o raio do album!
Recomendado e se gostaram do ultimo de Dead Congregation têm aqui uma especie de parente proximo e com os mesmos niveis de malicia por dentro!!!!


Burrow - The Collapse of Time


Hum...estão preparados?
Sigam estes passos:
1º- Entrem na pagina do Bandcamp de Burrow.
2º- Façam o download o album.
3º- Aumentem o som.
4º- Agarrem-se a alguma coisa.
5º-E por fim cliquem em play.

Crowbar meets early Mastodon = HOLY SHIT!!!

Idre - Idre



Os norte americanos Idre apresentam aqui o seu primeiro album e longo o que salta a vista é o role de influencias que supostamente associam á sua musica, pode parecer estranho mas colocar nomes que vão de Neurosis a Ennio Morricone num press-release , pode não trazer nada de bom, mas...a coisa resulta e de uma forma bastante interessante.
As bases da banda são o que atualmente se vai fazendo dentro do Post-Sludge e é a partir daqui que tudo flui e vai absorvendo os mais variados tons e envolvencias originando uma amalgama de sonoridades que nos vão atirando para coisas tão abstratas como a voz eterea de um David Galas ou algo perdido entre o King Dude e um qualquer vocalista gotico tudo isto sobreposto em momentos dessoladores onde o equilibrio do peso faz lembrar instrumentalmente uns Rwake perdidos na banda sonora de um Western do Morricone...
Como já deu para entender o principal interesse aqui é mesmo o ambiente que as duas faixas criam e a forma com o som nos vai envolvendo á medida que vamos ouvindo e transforma as faixas num interessante "crescendo musical" fazendo lembrar um pouco a formula usada por uns Neurosis por exemplo...e sim aqueles acordes iniciais trazem a memoria Process of Guilt mas é só por momentos.
Na segunda faixa as coisas são mais libertas e a banda atira-se para territorios mais agrestes e atinge o ponto alto quando a banda volta a focar o lado mais pesado e lento do Sludge/Doom quase no final.
Um album interessante, mas dificil e seco, muito devido aos vocais que embora tragam boas referencias por vezes nota-se que a formula não resulta na totalidade, talvez se fosse mais variado o transformaria em algo colossal como é realmente a parte instrumental, parte esta que se ouvirem com atenção é captada sem truques..
Resumindo é um album interessante de uma banda que talvez ainda tenha algo a dizer num futuro proximo, basta para isso limar umas arestas que acabam por ser naturais num primeiro album.

Bròn - Fògradh


O BM nos dias de hoje é como sabemos algo que se tornou numa especie de polvo que vai buscar influencias e absorver as mais variadas tendencias dentro de praticamente toda a musica.
Mas como essencia o mais importante na minha opinião continua a ser aquele toque de misticismo ou envolvencia que tanto podemos encontrar na obra mais extrema como em pedaços mais ambientais.
No caso deste projeto, apesar de não trazer nada de novo conseguiu cativar-me o suficiente para me levar novamente até á decada de 90 onde alguns nomes nordicos se atreveram primeiramente a colocar um toque diferente dentro do extremismo primordial do genero.
Aquilo que vão ouvir é uma especie de Black Atmosferico onde a melodia derivada dos sintetizadores se funde com aquele toque meio tosco que alguns dos maiores nomes vindos da noruega criaram por aquela altura fazendo lembrar uns Odium ou Limbonic Art a espaços.
Como disse não é propriamente algo original ou sejamos sinceros uma obra prima mas vale sobretudo pela forma interessante de nos fazer recuar até á metade da decada de 90 (pelo menos para quem viveu esses tempos) e sentir um pouco como era o BM daquela altura ou pelo menos algum...
É apenas uma faixa, embora daquelas longas já que são quase 30 minutos, mas onde se explora muita coisa e se sente sobretudo a honestidade e um certo carisma musical e mesmo notando-se aqui e ali o lado "maquinal" consegue soar de forma cativante no seu todo.
Se ficaram curiosos é clicarem aqui:

Audrey Fall - Mitau


Audrey Fall is a four-piece instrumental post-rock/metal band from Jelgava, Latvia. Formed in 2010, the band has gone through a line-up and music style change. After working on their new material for 2 years, the band returns with their self-recorded debut album “Mitau”, released on January 14th, 2014. Band is currently unsigned.
Their music features influences from both the soft side of post-rock and the heavier side of post-metal, resulting in contrasting sounds, progressive rhythms and distinct melodies.


Naga - Hēn


"Hēn is the word used by the ancient Greeks to indicate the One, the divine principle embracing the whole reality, it’s the highest idea, it’s what the Becoming implies, it’s where everything originates and everything returns."

Mais uma excelente proposta italiana na onda de uns Bongripper, Horn of The Rhino e sonoridades similares onde o peso do Metal se funde numa amalgama lamacenta que vai beber a territorios perdidos entre o Sludge e o Rock/Doom de tendencia mais sulista originando um album bastante interessante e de escuta facil...sem com isto se perca o interesse.
Se gostam de albuns pesados, com uma aura ligeiramente epica isto é certamente algo que merece a vossa atenção!
Bastante interessante mesmo..

Petrychor - Makrokosmos


Novo album de Petrychor....e sim a qualidade do costume de uma das bandas que melhor funde a melodia, ambiente e musica extrema atualmente na minha opinião!

"The intersection of cosmic and terrestrial influences, music of and from the stars and how we relate to them from our position on Earth. Rest well and travel far, for though you at times may feel that you are without company, hopefully these sounds will remind you that there are others scattered across the globe, who are on a similar journey. Share in it."


Arakk - Self & Distance


Colossal faixa desta banda dinamarquesa!!
Com um ex-HEXIS na sua formação os emergentes Arakk afirmam-se aqui desde já como uma das propostas mais interessantes do atual Death-Doom europeu e uma clara resposta a alguns dos mais interessantes nomes do estilo atualmente...a sonoridade não é original nem imaculada já que isto vai beber a coisas tão dispares como Skepticism, d. , Morgion ou Mindrot, mas a honestidade que transparece ao longo dos quase 25 minutos deixa qualquer seguidor destas tendencias a salivar.
Arrastado e com uma lentidão funebre mas ao mesmo tempo bastante introspetiva transforma a escuta deste primeiro registo numa experiencia bastante agradavel...se é que podemos usar esta palavra no meio desta negritude, mas para já são sem duvida uma banda a não perder de vista...

Jumalhämärä - Songless Shores (EP)


Os finlandeses continuam a inovar...desta vez envoltos numa espessa névoa de ritualismo e liturgias sonoras que evocam um pouco alguns momentos de DsO, Stabat Mater, Leviathan etc...
Confesso que não apanhei o Resitaali, mas isto em comparação com o Resignaatio está noutro nivel...bem mais negro, compassado, bizarro e onde os sintetizadores criam ambiente oculto e setentista fantastico por debaixo daquelas tabuas do caixão sonoro que aqui criam!

Gnosis of the Witch - Dauðr Burðr Þrysvar

"Once again, IRON BONEHEAD PRODUCTIONS cements its status as an underground metal maverick with the release of GNOSIS OF THE WITCH's debut vinyl statement, Dauðr Burðr Þrysvar, set to be released as a gatefold 12" MLP. Much like its cover art, Dauðr Burðr Þrysvar is a swirling, gnawing torrent of chaos-driven yet mystical black metal, resolutely grim and hideous but nevertheless brimming with a beyond-the-shade splendor not unlike the ancient wave of Scandinavian blackened metal. An American duo, GNOSIS OF THE WITCH know neither time nor place, their invocations solely driven by the wisdom hidden within the abysmal nothingness of Ginnungagap, each of the four songs contained here a veritable spell of black magick seeking to tear asunder one's earthly bonds and crawl deep within the yawning, abyssic void. Compact and coruscating, Dauðr Burðr Þrysvar hails the dawn of a new majesty."

Vassals - Plaguestates


Especatcular ep destes austalianos!!!
Uma demente mistura de Black Metal com Sludge que em nada fica a dever aos grandes lançamentos deste ano na minha opinião.
Se gostam daquilo que uns THOU exploram, este "estado de pragas" é o sitio ideal para ficarem durante uns tempos e para primeiro registo a coisa é bastante atractiva para qualquer apreciador deste tipo de ambiente.
Peso, ambiente apocalitico e desilusão mundana tudo envolvido numa mortalha quase funeraria que me deixou com um pé a beira da cova..
Aparentemente a banda terminou ou estava em vias de acabar, mas deixa aqui um monumental trabalho que na minha opinião vale muito a pena ouvir além do mais a gravação é feita ao vivo...